BOLETIM AAFIB 99 - MAIO 2015                                                                                                                                                            Associação dos Antigos Funcionários Internacionais do Brasil                                                                                         

( aafib.org.br )            27 anos        Afiliada à  FAFICS

 

Estará o Fundo de Pensões em perigo?

Comentando distintas mensagens que circulam na comunidade de funcionários e ex-funcionários das Nações Unidas sobre supostas interferências indesejadas nos investimentos do Fundo de Pensões, Linda Saputelli, presidente da FAFICS, sustenta que as alegações não são comprovadas e que investigações preliminares não encontraram nenhum sinal de risco financeiro para o Fundo. Lembra que a oposição do sindicato do pessoal ativo ao novo Memorando de Entendimento (MoU) não é novidade, já vem acontecendo há mais de um ano e foi discutida no Conselho da FAFICS no ano passado, e mais, que o tema não tem implicações diretas com o investimento do Fundo, apesar da tentativa de alguns em vinculá-los. Considera que são apressadas as criticas e manifestações. Como o Conselho da FAFICS vai se reunir este ano em fins de julho, depois do Conselho do Fundo de Pensões, se ainda for necessário tomar uma posição, teremos que fazê-lo em tempo, antes do Conselho.  Linda está considerando a maneira mais eficaz de fazer isso, e se compromete a manter a comunidade informada.  
Jerry Barton, presidente de ARICSA\Áustria, também se manifestou sobre “as graves acusações de fraude e abusos de contratação”, achando estranho que representantes do pessoal tenham decidido sair para manifestações públicas sem primeiro ter estabelecido os fatos através das várias oportunidades de supervisão. Pareceu-lhe que tais ações são mais inflamatórias e mais dificultam que ajudam o trabalho do Fundo de Pensões.  Jerry lembra que o Fundo é um dos órgãos mais controlados e avaliados do Sistema. Por conta de sua natureza única, sua supervisão é multifacetada e responde a 23 Organizações participantes. Os investimentos são geridos pela Divisão de Gestão de Investimentos das Nações Unidas em nome do Fundo. A supervisão inclui não apenas auditorias internas e externas mas também o Conselho do Fundo, o Comitê de Monitoramento dos ativos e passivos, um Comitê adicional de auditoria e um Grupo de Trabalho de Gestão de Risco.                                                        

                      

A posição da AAFIB tem sido de prestigiar o trabalho da FAFICS, confiando em seu acompanhamento estreito dos acontecimentos, sobretudo pela sua posição privilegiada para fazê-lo e a coincidência de interesses de toda a comunidade. E em complemento mantemos absoluta atenção a todas as fontes de informação disponíveis, compartilhando a responsabilidade com nosso quadro de associados, onde identificamos muitos colegas qualificados para uma apreciação mais apurada da complexa rede de informações e contrainformações. Por enquanto -- e esperamos que por muitos anos mais -- nosso Fundo de Pensões inspira cuidados, mas vai empiricamente muito bem.

 

AGENDA AAFIB

 

Primeiro Concurso AAFIB de Fotografia:  INSCREVA-SE JÁ

 

Encontram-se abertas as inscrições para nosso Concurso de Fotografias, que tem como tema: “Flagrantes de minha cidade”. As fotos podem ser acompanhadas de pequenos textos apreciativos e explicativos sobre os respectivos conteúdos. Os três primeiros colocados ganham ampla divulgação no Boletim e no Website da AAFIB, com direito a entrevista e foto. Poderão participar todos os associados da AAFIB e seus familiares, como também colegas de outras AFICS, como convidados especiais.      Para concorrer será necessário fazer antecipadamente a inscrição, que é gratuita, pelo e-mail: aafib@aafib.org.br bastando comunicar o nome (e grau de parentesco, se não for o titular). Depois de inscrito o concorrente receberá o Regulamento por correio ou e-mail. O prazo limite para envio das fotografias é 17 de Julho. Nossos colegas Nelson Silva e Armand Pereira são os organizadores do evento.

 

Minha Experiência Mais Marcante

O Boletim vai iniciar a publicação de uma série memorialista com textos dos colegas associados contando sua “experiência mais marcante” do trabalho nas Nações Unidas, ou na própria vida. Enviem suas narrativas pessoais, prestigiem mais essa iniciativa de sua AAFIB.  Textos em torno de uma página, para aafib@aafib.org.br.

Workshop para ajudar na Aposentadoria

Em setembro vamos realizar em Brasília o Primeiro Workshop para funcionários do Sistema das Nações Unidas na proximidade de aposentar-se ou recentemente aposentados. No seminário, que se buscará ser interativo, serão mostradas as principais  questões que precisam ser resolvidas pelo aposentado para atender a exigências do seu Fundo de Pensões e dos Planos e Seguros de Saúde, além de questões práticas do dia a dia. O evento contará com a decisiva colaboração dos RH das Organizações e autoridades convidadas. Inscrições e manifestações de interesse em e-mail para a AAFIB. (aafib@aafib.org.br)

 

Compre experiências e não compras.   (Revista Época no. 867, janeiro 2015)                  

Novas pesquisas mostram que investir em viagens, jantares e aventuras, em vez de produtos, pode levar a uma vida mais feliz.  Comprar o que desejamos é um dos caminhos mais fáceis –   e talvez enganosos – para a felicidade. O problema é que a felicidade do consumo se dissipa rapidamente. ... As experiências, ao contrário dos produtos, seguem em nossa memória e são revividas sempre que compartilhadas, expandindo nossa percepção de prazer, e a de pessoas  com quem as dividimos.  Apostar em experiências pode ser um jeito divertido de distribuir bem-estar e recolher um pouco de felicidade.  Em estudos mais recentes, a principal conclusão é que o gasto com experiências como passeios e espetáculos causa uma sensação de felicidade mais intensa e duradoura do que comprar produtos, por mais grandiosos que eles sejam.

 

ANIVERSARIANTES DE MAIO     (Nossos cumprimentos)                                                                                                                                  

01\05 Bernardino  Pontes  RJ         06\05  Norma Siciliano   RJ        07\05 Antonio  Martins    RJ                                                                       

08\05 Renato Gusmão   RJ              09\05 Paulimar de Souza  RJ    10\05 Telva Barros   SP

14\05 Josette  Lenz Cesar  RJ         14\05 Jorge Garcia  RJ                 22.05 José Leite Filho BSB

15\05 Branca Moreira Alves MG     21\05 Maria Aparecida Mesquita RJ 

 

Sabia que o cérebro pode melhorar com a idade?

 

O cérebro muda de forma segundo as áreas que mais se utilizam, segundo sua atividade mental. Nos seres humanos: podem-se criar novos neurônios ao longo de toda a vida, o esforço mental é decisivo nesse propósito. Os novos neurônios se multiplicam com especial intensidade em diversas zonas cerebrais segundo a natureza da atividade mental. As pessoas se tornam sábias quando chega a velhice, com a estimulação cognitiva, que obriga o hemisfério cerebral direito a se movimentar, evitando sua deterioração.  Ou seja: O exercício físico protege a saúde cardiovascular e o exercício cognitivo protege a saúde cerebral contra a demência e a senilidade.  Em 2000 na Universidade de Londres se verificou que os taxistas da cidade tinham a parte cerebral do hipocampo, importante para a memória espacial, particularmente desenvolvida, porque exercitavam a memória cada dia nas ruas e caminhos do seu trabalho diário. Em 2002 cientistas alemães descobriram nos músicos a área do córtex cerebral mais desenvolvida, justamente porque precisavam dela para processar sua música. Igualmente, no cérebro das pessoas bilíngues encontraram a circunvolução angular esquerda na estrutura cerebral para a linguagem, mais desenvolvida.  Por Dr Elkhonon Goldberg  (Universidade de New York)

Uma descoberta dentro da Neurociência vem revelar que o cérebro mantém a capacidade extraordinária de crescer e mudar o padrão de suas conexões.
Os autores desta descoberta, Lawrence Katz e Manning Rubin (2000), revelam que NEURÓBICA, a 'aeróbica dos neurônios', é uma nova forma de exercício cerebral projetada para manter o cérebro ágil e saudável, criando novos e diferentes padrões de atividades dos neurônios em seu cérebro. Cerca de 80% do nosso dia-a-dia é ocupado por rotinas que, apesar de terem a vantagem de reduzir o esforço intelectual, escondem um efeito perverso: limitam o cérebro.
Para contrariar essa tendência, é necessário praticar exercícios 'cerebrais' que fazem as pessoas pensarem somente no que estão fazendo, concentrando-se na tarefa. O desafio da NEURÓBICA é fazer tudo aquilo que contraria as rotinas, obrigando o cérebro a um trabalho adicional.

Tente fazer um teste:
- use o relógio de pulso no braço direito; - escove os dentes com a mão contrária da de costume;
- ande pela casa de trás para frente; - vista-se de olhos fechados; - veja as horas num espelho;      - estimule o paladar, coma coisas diferentes; - veja fotos de cabeça para baixo;
- faça um novo caminho para ir ao trabalho.

A proposta é mudar o comportamento rotineiro! Tente, faça alguma coisa diferente com seu outro lado e estimule o seu cérebro. Vale a pena tentar!
Que tal começar a praticar agora, trocando o mouse de lado?
 

Contribuição anual para a AAFIB                                                                                              

Os meses de abril e maio são os mais indicados para o associado efetivar sua contribuição para a AAFIB. Lembramos que o valor anual é de 100 reais. Os sócios remidos devem pagar pelo menos a taxa de manutenção de 50 reais.  Sua contribuição é essencial para a AAFIB se fortalecer e cumprir com seus objetivos.                                                                                                              

 

Depósito bancário em nome da AAFIB: Banco Itaú (341), agência 0413, conta corrente 03142-8.  

CNPJ da AAFIB (se necessário): 07.287.830\0001-90.

 

EXPEDIENTE                                                                                                                                        

Presidente: João Carlos Alexim       (e editor do Boletim)                                                                                    

Vice-presidente: Giovanni Quaglia                                                                                                                 

Secretária: Evelyn Rocha                                                                                                                                                            

Tesoureira: Maria America Ungaretti      Depósito bancário em nome da AAFIB:

Diretora para Planos de Saúde: Marianne Schwandl 

Diretora do Núcleo de Brasília: Júnia Puglia                                                                                                     

Diretor Núcleo Baixada Fluminense\CPFA: Ilacir de Carvalho                                                                                                                             Diretor Núcleo São Paulo: Udo Bock  

                                                                                           

Endereço: Centro de Informação da ONU \UNIC  Palácio Itamarati                                                                                    

Av. Marechal Floriano, 196 – CEP: 20080-002 – Rio de Janeiro   (aafib@aafib.org.br)                                                                                                                                                                                                               

Edição completa em nosso site (aafib.org.br)

Gerente do site: Sumaya Garcia