BOLETIM 94 - DEZEMBRO 2014

Associação dos Antigos Funcionários Internacionais do Brasil

( aafib.org.br )       27 anos        Afiliada à  FAFICS

 

FELIZES FESTAS DE NATAL E FIM DE ANO

Estimados colegas, estamos nos aproximando de mais um período de Festas Natalinas, que corresponde à celebração da amizade e da família. E vamos cumprindo também mais uma etapa desse nosso percurso existencial. Para muitos é apenas a época de mudança dos números nas folhinhas e calendários (e nos cheques para quem ainda usa isso), mas para tantos outros é a oportunidade para promessas de vida em seus corações.                                                  

Aproveitamos para agradecer a todos a prestigiosa atenção que têm dado às coisas de interesse comum de nossa associação. Obrigado pelos momentos de compromisso e troca, pela concessão de suas melhores qualidades nesse convívio amável e enriquecedor, não necessariamente presencial, para esse projeto comum que é a AAFIB.

Por isso desejamos a todos uma passagem plena de alegrias e felicidades, e que o próximo ano seja de boas surpresas, crescimento pessoal e social, êxitos no trabalho (para os que ainda cumprem esse rito), muita paz de espírito, e muita festa, que ninguém é de ferro!

                                                                                                                                                                    

AS CARTAS DE CERTIFICAÇÃO DE TITULARIDADE ESTÃO CHEGANDO

Os problemas com os correios no ano passado serviram pelo menos para alertar sobre essa tarefa que nos obriga anualmente nesta época do ano a ficarmos atentos e a repetir o rito de datar, assinar e postar de volta o pequeno envelope formatado. Um objeto tão pequeno e trivial, com um valor enorme para nossa tranquilidade.

Neste ano parece que não haverá atropelos, muitos colegas já acusam ter recebido e respondido, alguns certamente terão mais tempo de espera e eventualmente um ou outro poderá necessitar de ajuda para corrigir algum desvio de rota. É natural que as cartas não cheguem todas de uma vez, e o prazo para resposta é confortável.

Apesar de simples, como a carta vem escrita em língua estrangeira e tem um design complexo, pode conter alguma dificuldade ou causar confusão. Na maior parte dos casos basta datar e assinar, depois de verificar se os dados impressos correspondem. Somente quando o pensionista tiver impossibilidade de assinar de próprio punho, ele poderá valer-se da impressão digital, em presença de uma testemunha formal, como indicado no formulário. Lembre-se que o documento é formatado e contém um código de barra para cada pensão. Portanto não pode ser substituído por um envelope comum.

Qualquer dúvida não hesite em comunicar-se com a AAFIB.

 

REUNIÕES DE FIM DE ANO

 

O Núcleo do Rio de Janeiro (AAFIB\RJ) vai realizar sua reunião de encerramento do ano no dia 15 de dezembro, em sua sede no UNIC-Rio, entre dez da manhã e uma da tarde. Além da confraternização entre os membros e a troca de ideias e opiniões, os comentários sobre a atualidade brasileira, o encontro vai promover o depoimento de vários colegas sobre suas respectivas experiências do tempo de atividade no Sistema. Será feito ainda um balanço do que foi realizado e a discussão do programa de trabalho para 2015. No final será oferecido um coquetel aos participantes.

 

O Núcleo de Brasília (AAFIB\Brasília) vai realizar seu último encontro do ano no dia 10 de dezembro, a partir das 10,30hs na Casa da ONU no Brasil. Com o retorno de Giovanni Quaglia do exterior, haverá oportunidade para reexaminar o recente imbróglio no Fundo de Pensões, com a nomeação de nova representante do SG (ver matéria neste Boletim).

Será também discutida e acordada a programação do próximo ano. No final dos trabalhos os participantes poderão seguir juntos num restaurante próximo, como já se torna habitual no grupo.

 

Sobre nomeação de Representante do SG para a equipe do Fundo (Extratos)

Linda Saputelli expressa de forma clara nossa preocupação relativa à recente nomeação de Carol Boykin para participar da gestão dos investimentos do nosso Fundo de Pensões, em carta dirigida a essa especialista. Ao mesmo tempo mostra que as coisas estão sob controle:

Escrevo como presidente da AFICS \NY em nome do nosso Conselho e dos membros constituintes para dar-lhe as boas-vindas como Representante Permanente do Secretário-Geral junto ao Fundo de Pensões.  Sou também presidente da FAFICS, nossa Federação com 57 associações-membros em todo o mundo.                                                                                                  

Como aposentados das Nações Unidas, sabemos quanto somos afortunados de contar com um Plano tão bem fundado e de benefícios definidos. Por isso nosso compromisso primordial é a segurança de nossas pensões e por que temos um interesse comum com a senhora na otimização do desempenho dos investimentos do Fundo.                                                                           Uma vez que os recursos são uma propriedade de nossos membros, como resultado das contribuições feitas por todos,  nosso Conselho discutiu recentemente as funções concernentes ao cargo que a Senhora exerce presentemente, e determinou que as considerações fossem trazidas a sua atenção o mais breve possível. Nosso quadro de associados faz referência a dois tipos específicos de políticas de investimentos.  O primeiro para assegurar que a terceirização de operações de investimento externo para agências externas de investimento seja mantida no mínimo, e que a dependência contínua fique com a gestão interna do maior volume de investimentos do Fundo. O segundo é que queremos ter garantias de que o Fundo continuará mantendo limites ao investimento alternativo, em particular em relação a opções de patrimônio líquido privado. Gostaríamos de poder antecipar que os relatórios sobre esse assunto serão totalmente transparentes. Para terminar permita-me expressar o desejo de sucesso em sua nova função.

 

FICANDO MAIS VELHO

Cada vez se torna mais importante o fato do envelhecimento da população em todo o mundo, muito especialmente nos países em desenvolvimento. Sem precisar recorrer aos números, é notório que as pessoas estão vivendo mais tempo e com melhores condições de saúde. E todo dia surge novidade ligada a descobertas de novos recursos para prolongar a vida humana.  A primeira consequência é para os planos de aposentadoria, mais onerados com o alongamento do tempo destinado, em princípio, ao (como chamar?) descanso, a não fazer nada, ao lazer, a atividades alternativas, “a só o que dá na telha”, ao cuidado da família, a tudo o que é bom, e tantas outras coisas, todas elas já consideradas “atividades não remuneradas”, ou sem remuneração própria.                                                                                                                                       

Na verdade, vários fatores levam a que se transforme por vezes em nova etapa de trabalho. Seja porque as aposentadorias vão caindo de valor no tempo, suas correções não são da mesma natureza do pessoal ativo, seja porque o indivíduo ainda se sente com forças e tesão para seguir um tempo mais na estrada. Em geral o que muda nesses casos, são a duração e a frequência dos novos compromissos. E talvez o tipo de atividade, mais próximo do seu gosto pessoal.                                                                             Por outro lado, alguns governos jogam irresponsavelmente com os recursos dos aposentados, por exemplo na opção por reduzidos de correção das pensões, ou na estimulação do uso dessas pensões, já precárias, para estimular o consumo das famílias mais pobres.  Trata-se entretanto de um assunto delicado, onde por vezes uma boa intenção pode gerar um efeito perverso. Por exemplo, no Brasil, a facilidade de empréstimos para aposentados (pela vinculação à pensão) colocou os idosos sob pressão das famílias para assumir empréstimos\dívidas que posteriormente podem concorrer até mesmo para conflitos familiares e mais problemas para os aposentados. Verdade também que levantou o prestígio dos idosos nas comunidades.                                                                                                                                      

Enfim, há um fato novo: a maior projeção dos idosos na sociedade requer novas ideias e dobrada atenção nas consequências que podem ocasionar. Comentários sobre o tema serão bem-vindos à redação.

 

ANIVERSARIANTES DE DEZEMBRO      

(Nossas felicitações)                                                                                                   

02\12\29   Georgina do  Nascimento Pinto UNDP \ RJ       

02\12\49  Vera Severo    UNDP  \ BSB             

08\12\       Carlos Luiz Plum    CPFA\OPAS     \ RJ            

14\12\34   Adely da Rocha  OPAS \ RJ

15\12\21   Valdecir Freire Lopes   CELADE \    RJ            

19\12\33   Ivo Gomes    OPAS \ RJ      

25\12\19   Gilmario Mourão Teixeira  OMS  \   CE            

26\12\52   Jorge Nassif  Neto UNICEF \ SP

29\12\29   Perla Garcia Vaccaro  CPFA\OPAS \RJ            

30\12\33  Janes  Angelo de Souza  ONU \RJ

 

FALECIMENTO

Comunicamos com pesar o falecimento de nosso colega José Maria Pompeu Memória, aposentado da FAO, dia 28 de novembro em sua residência em Brasília. Nossas condolências à família e aos amigos.

 

EXPEDIENTE                                                                                                                                        

Presidente: João Carlos Alexim       (e editor do Boletim)                                                                                   

Vice-presidente e Diretor Núcleo Brasília: Giovanni Quaglia                                                                                              

Secretária: Evelyn Rocha                                                                                                                                                              

Tesoureira: Maria America Ungaretti      

 

Depósito bancário em nome da AAFIB:

Banco Itaú (341), agência 0413, conta corrente 03142-8                                                                                    

 

Diretora para Planos de Saúde: Marianne Schwandl                                                                                                       

Diretor Núcleo Baixada Fluminense\CPFA: Ilacir de Carvalho

Diretor Núcleo São Paulo: Antônio Zangelmi e Udo Bock                                                                                               

 

Endereço: Centro de Informação da ONU \UNIC  Palácio Itamarati                                                                                    

Av. Marechal Floriano, 196 – CEP: 20080-002 – Rio de Janeiro   (aafib@aafib.org.br)                                                                                                                                                                                                               

Fotos: Nelson Rodrigues Silva  \  Fotografia Digital e Eventos  Cel. 98445-7059

 

Edição completa em nosso site (aafib.org.br)

Gerente do site: Sumaya Garcia